Fotos: Paula Fróes/GOVBA

O município de Madre de Deus, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), recebeu, na manhã desta segunda-feira (12), um importante reforço no atendimento público de pessoas com transtornos mentais graves. O governador Rui Costa inaugurou uma unidade do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) tipo I, no bairro Cururupeba, que contou com um investimento de mais de R$ 2,1 milhões, entre obras e equipamentos.

“O objetivo do Governo em construir esse tipo de equipamento é ampliar o atendimento e dar atenção especial a pessoas que têm algum distúrbio mental, dando acolhimento, carinho e tratamento especializado. Por isso, outras unidades estão sendo construídas no estado. A próxima a ser entregue será em Candeias”, revelou o governador.

O CAPS é constituído por uma equipe multiprofissional e que atua com uma ótica interdisciplinar e realiza, prioritariamente, atendimento a pessoas de todas as idades com transtornos graves e persistentes. O atendimento também inclui pessoas com necessidades decorrentes do uso de álcool e outras drogas, seja em situações de crise ou nos processos de reabilitação psicossocial, sendo substitutivo ao modelo asilar. As unidades são instaladas em cidades e ou regiões com pelo menos 15 mil habitantes.

Para o secretário de Saúde (Sesab), Fábio Vilas Boas. “É uma unidade de saúde destinada não ao tratamento do corpo, mas ao tratamento dos males da mente. No Caps são tratadas doenças como a ansiedade, depressão e outros transtornos que precisam do acompanhamento de psicólogos e psiquiatras, caso haja necessidade de medicação. Aqui os pacientes vão poder contar com uma equipe completa para atender essas necessidades”.

Durante a visita ao município, o governador também percorreu as instalações do Colégio Estadual Antônio Balbino.

Repórter: Tácio Santos