O veto ao Projeto de Lei N° 015/2017, que “Dispõe sobre a obrigatoriedade para o município disponibilizar sistema integrado a Rede Pública Municipal de Saúde para que os usuários possam agendar consultas ou exames via internet” foi retirado pelo Líder do Governo, o vereador Jair Saloes (MDB) na Sessão Ordinária desta quarta-feira (10). Com a retirada do veto, a Câmara Municipal vai promulgar o Projeto de Lei de autoria do vereador Diego Rodrigues (Diga Diga), que demonstrou articulação na retirada do veto. “A partir da implantação do nosso Projeto de Lei pelo Poder Executivo, os moradores poderão agendar consultas e exames através do celular ou pelo site da Prefeitura acabando com o sofrimento enfrentado nas filas do CDM”, afirmou.